top of page

Dedicado ao tema há quatro décadas, Luís Augusto Fischer oferece um novo jeito de contar a bela e complexa história da literatura brasileira: um modelo que dê lugar aos autores contemporâneos, à canção, à tradução, às redes sociais, à voz indígena, ao feminismo, à diferença. Falando das virtudes e limitações dos modelos estabelecidos por nomes exemplares da crítica literária, recorrendo aos historiadores e antropólogos recentes, contando a história dos livros que até hoje tentaram abarcar a trajetória da literatura do Brasil, o autor mostra o caminho. Uma obra fundamental para quem conhece bem o jardim em que floresceram Machado e Rosa, e imperdível para quem quer conhecê-lo melhor.

 

LUÍS AUGUSTO FISCHER é crítico literário e professor titular de Literatura Brasileira na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, com pós-doutorado na Sorbonne, Paris VI. Pela Arquipélago, publicou "Machado e Borges: e outros ensaios sobre Machado de Assis" e "Inteligência com dor: Nelson Rodrigues ensaísta", vencedores do Prêmio Açorianos de Literatura, além de "Filosofia mínima: ler, escrever, ensinar, aprender", finalista do Prêmio Jabuti.

 

Detalhes do produto

  • Editora ‏ : ‎ Arquipélago Editorial
  • 1ª edição (16 agosto 2021)
  • Idioma ‏ : ‎ Português do Brasil
  • Capa comum ‏ : ‎ 400 páginas
  • ISBN-13 ‏ : ‎ 978-6589741121
  • Dimensões ‏ : ‎ 16 x 4 x 23 cm

Duas formações, uma história - Luís Augusto Fischer

SKU: 9786589741121
40,00 €Preço
  • Até 5 dias úteis.

   Portes de envio.

Taxa fixa de € 3,25 por pedido

Entrega grátis para pedidos acima de  € 50,00