top of page

Em novembro de 2022, contam-se 50 anos da morte de Torquato Neto. Para homenagear o grande tropicalista, o Círculo de poemas lança O fato e a coisa, único livro organizado em vida pelo poeta. Nele, podemos ver o multiartista em seu rico período formativo, escrevendo desde sua Teresina natal ou circulando por Salvador e Rio de Janeiro, lendo Drummond, entusiasmando-se por Luís Carlos Prestes e encontrando os amigos da futura jornada tropicalista: “viva caetano e bethânia / (...) viva que eu os conheço / e eu os amo de longe ou perto”. Como outras coletâneas de textos do autor, O fato e a coisa foi publicado postumamente. Esta edição traz na íntegra o livro, além de uma seleção de outros poemas de juventude, com um novo estabelecimento do texto, feito a partir de pesquisa no Acervo Torquato Neto, no Piauí, por Thiago E, que assina também o posfácio do livro. A orelha é de Reinaldo Moraes. “Tenho rins e eles me dizem que estou vivo”, escreve Torquato num de seus versos. Passado todo esse tempo, sua obra segue viva e se espalha cada vez mais entre nós, fazendo a cabeça e o coração de gerações.

 

Torquato Neto nasceu em 1944, em Teresina, Piauí. Foi poeta, letrista e colunista de jornal. Sempre ligado às vanguardas artísticas, participou ativamente do Tropicalismo ao lado de Caetano Veloso, Gilberto Gil, Tom Zé, Nara Leão etc. É autor de algumas das letras mais inventivas da música popular brasileira, como “Geleia geral”, “A coisa mais linda que existe” e “Todo dia é dia D”. Faleceu em 1972, no Rio de Janeiro.

 

 

  • Editora ‏ : ‎ Círculo de poemas; 1ª edição (3 novembro 2022)
  • Idioma ‏ : ‎ Português do Brasil
  • Capa comum ‏ : ‎ 152 páginas
  • ISBN-10 ‏ : ‎ 6584574342
  • ISBN-13 ‏ : ‎ 978-6584574342
  • Dimensões ‏ : ‎ 13.5 x 2 x 20 cm

O fato e a Coisa - Torquato Neto

SKU: 9786584574342
26,00 €Preço
  • Até 5 dias úteis.